domingo, 22 de dezembro de 2013

Postais de Toronto III: World's Biggest Bookstore

As grandes livrarias têm-se devorado umas às outras. Lembro-me de um filme, uma simpática comédia romântica chamada You've got mail, que abordava o tema da destruição das pequenas livrarias pela concorrência das grandes mas entre estas a guerra também foi feroz. Em Toronto, o grupo Indigo é praticamente monopolista, e se em todas as lojas se encontram as mesmas novidades, é difícil encontrar os títulos que não estão na moda.

The World's Biggest Bookstore foi a primeira grande livraria que conheci, e apesar de ter sido comprada pela Indigo, ainda lhe guardo uma simpatia especial: os letreiros estão mais visíveis, a arrumação parece mais simples, é mais fácil encontrar livros que não procuro especificamente, e os empregados são simpáticos e sabem ajudar.

(Toronto, Dezembro 2013)

Infelizmente, este ano estou a despedir-me dela, porque o local, em plena baixa da cidade, foi vendido a uma empresa de construção que ali levantará mais uma torre qualquer.

6 comentários:

Mário Gonçalves disse...

:( bad news. Os mercados também já aí chegaram.

Onde vai o Small is Beautiful....

Catarina disse...

Mais uma torre… Toronto está a ser conhecida pela cidade das torres. : )

luisa disse...

Cheguei agora a esta série de postais de Toronto. Está visto que a Gi se prepara para um Natal branco. :)
Boas Festas. :)

Gi disse...

Mário, eu até gosto de livrarias grandes :-) ou então, especializadas.

Gi disse...

Catarina, antigamente estavam só na baixa, não era?

Gi disse...

Luisa, branco e frio. Boas Festas para si também.