quarta-feira, 25 de julho de 2012

Maus fígados

Quando acabo de limpar a área da piscina e as gaivotas resolvem esvaziar a tripa en passant, juro que me apetece pegar numa caçadeira e desatar aos tiros para o céu.

Sorte têm elas por eu ser pacífica.

7 comentários:

Fanático_Um disse...

Ainda bem que o não faz, Gi. Teria que limpar não só o conteúdo intestinal gaivótico como os despojos das próprias, todas furadinhas e a "espichar" sangue por todo o lado!

Mário disse...

As minhas varandas ficam impraticáveis. Mas melhorou quando substituiram os contentores do lixo por uns novos, subterrâneos e metálicos. Sem lixo à vista, vêm menos.

E maldosas,revanchistas: uma vez escorracei-as aos gritos; deram uma volta no ar e despejaram-me as tripas em cima. Calculadamente.

Comprei uma fisga. Felizment, agora não tenho precisado.

Paulo disse...

Tal como as ratazanas voadoras, as gaivotas costumam ter boa pontaria. Cuidado, Gi.

Gi disse...

Fanático_Um, isso seria realmente um nojo.

Gi disse...

Mário, Paulo, ainda me encontrava no meio de uma cena hitchcockiana...

luisa disse...

Aí as gaivotas, cá para os meus lados os pardais. Para a pontaria... melhor as gaivotas :)

Gi disse...

Luisa, aqui pardais e melros sujam a área da pérgola e as gaivotas fazem tiro ao alvo às espreguiçadeiras.