quarta-feira, 25 de junho de 2008

Dói-me

Juro que me dói o coração, a alma, a garganta e os olhos. Hoje cheguei a casa e os pedreiros que estão cá a trabalhar estavam a podar a minha árvore, a Lagunaria Patersonii que os amigos deste blog me ajudaram a identificar e que dava personalidade ao jardim desde que a palmeira teve de ser eutanasiada.

Palavra de honra que se alguém faz mais alguma destas podas há aqui uma cena de faca e alguidar que há-de ficar na história.
(Hoje, no meu jardim)

5 comentários:

MJ disse...

oh, Gi, nem acredito no que aconteceu! essa Lagunaria já é também um pouco nossa e agora isto!?

Não sei se vai ajudar mas convido-a a visitar (e a divulgar entre os seus amigos) este jardim e os seus amigos:

http://amigosdobotanico.blogspot.com/

MJ

Xantipa disse...

Nem me imaginas o que me aconteceu quando comprei esta casa. Aliás, comprei o quintal que, por acaso, vinha com uma casa. Tinha uma figueira, uma amendoeira, uma nespereira, abacateiros e muitas outras plantas. Era muito frondoso.
As obras iam começar e eu tive de me ausentar por uma semana. Quando voltei, nem queria acreditar. Tinham deitado a casa abaixo, como não era suposto (a fachada ficaria) e aplanado o terreno. Aplanado. Estava vazio. Fiquei parva. Estava um homem na obra e eu perguntei quem tinha feito aquilo. Ele ficou calado. Repeti a pergunta. Ele calado. Quase gritei: «Sou a dona desta obra. Quero saber o que fizeram às minhas árvores!». Aí, ele quase murmurou: «A máquina não entrava».
O mal estava feito. Fiquei arrasada. Agora que, finalmente, venho para cá morar, quero pôr árvores. Uns amigos ofereceram-me um limoeiro. Não sei se sempre vou conseguir uma oliveira. Enfim, isto é pequeno e tenho de ver o que é mais algarvio.
Aceitam-se sugestões...
:)
Beijinhos!

Gi disse...

MJ, o Jardim Botânico é um dos sítios onde costumava passear o meu cão quando há poucos anos tive um apartamento nas redondezas; claro que recomendo.

Xantipa, calculo o teu desespero! Aqui ao menos ficou um coto que espero que recupere...
No teu lugar procurava agora pôr árvores de fruto, uma amendoeira (é feia no inverno, mas compensa), uma ameixoeira... Se calhar são caríssimas, não?

Paulo disse...

Olhe, Gi. Nem sei o que lhe diga perante um disparate tão grande. Hoje estive a ver as do Botânico, que estão carregadas de flores, lindas, frondosas, apesar do estado em que se encontra aquele jardim.

Xantipa disse...

Obrigada pelas sugestões. Vou ver os preços!
:)
Bj