domingo, 25 de maio de 2014

Barcelona modernista:

Grande parte das cidades espanholas tem um centro histórico antigo, medieval, a não perder, e o resto não interessa nada. Mas Barcelona tem as avenidas do século XIX e os edifícios modernistas que enchem os olhos de maravilha.

La Pedrera estava coberta de andaimes, mas estava livre o quarteirão que corresponde aos números 35 a 43 do Passeig de Gràcia e que é um verdadeiro mostruário de arquitectura da época, com os desenhos de Domènech (Casa Lleó i Morera ):


Puig (Casa Amatller ):


e Gaudì (Casa Battló ):


Um bocadinho mais a norte, um arquitecto mais moderno fez esta brincadeira:

(Barcelona, Março 2014)

8 comentários:

luisa disse...

Belíssimo.
Ainda bem que apanhei esta sua "boleia" a Barcelona. :)

Gi disse...

É muito bem-vinda, Luisa.

Fanático_Um disse...

Barcelona é uma cidade fantástica. Está cheia de pontos de interesse por todo o lado. Na arquitectura é impressionante e, na parte nova, o encanto continuou.

Gi disse...

É verdade, Fanático_Um. Eu tinha lá estado há anos, num congresso, e pensava que não iria achar graça agora, mas mudei de ideias.

Daniel C.da Silva (Lobinho) disse...

Gostei do registo fotográfico. Já lá estive mas faltou-me ir a Monserrat!

Gi disse...

Daniel, bem-vindo e obrigada. Daqui a uns dias, terá também o registo de Montserrat.

Paulo disse...

A Casa Batlló é das coisas mais extraordinárias que conheço. É preciso visitá-la para compreender a importância de Gaudí para a arquitectura mundial. Como tudo encaixa, como tudo foi pensado ao mais ínfimo pormenor, como tudo flui.

Gi disse...

Paulo, na próxima vez, tentarei visitar os interiores.