terça-feira, 10 de março de 2015

Marés de Março

O Mário já chamou a atenção para as marés vivas de Março. O equinócio vai quase coincidir com a lua nova, o que deve produzir amplitudes muito grandes.
No Algarve as marés são obviamente mais modestas; ainda assim no domingo passado fui até à praia passear o Jr e encontrei rochas que habitualmente estão submersas até meio:


em certos casos, "meio" são dois metros e tal


enseadas com várias vezes a extensão habitual


e até lapas agarradas ao que normalmente é o fundo do mar

(Praia da Galé, Março 2015)

7 comentários:

luisa disse...

Nunca vi essa parte da praia assim, nessa perspetiva.

Catarina disse...

Bonita praia. Conheço.
É pena que a Gi prefira ter o nome “Garden…” no meio da foto.

Gi disse...

Luisa, eu também não tinha visto. A maré estava tão baixa que permitiu o passeio da praia da Galé à praia do Lourenço.

Gi disse...

Catarina, começou com uma foto em particular que não querria que me "roubassem" e fui-me habituando...

Mário Gonçalves disse...

Interessante, não notei marés vazas tão vazas assim aqui no Norte, mas as marés cheias sim. Andam a escavar a praia criando ravinas de areia. Feio.

Gi disse...

Mário, todas as vezes que vou à praia da Galé ela está diferente. O mar vai mudando tudo.

Catarina disse...

Poderia colocá-lo em baixo para não dos distrair do que é importante na foto. Apenas uma sugestão, claro! : )