quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Censura

Às vezes parece que os objectos têm personalidade. O meu iPod não aceita o CD Händel de Rolando Villazón.
Calculo que pelo menos a Moura Aveirense esteja a pensar que não se perde nada (eu sei, eu sei, a voz não é barroca, a coloratura é deficiente e falta-lhe criatividade nos da capo), mas eu gosto de ouvir o moço e irrita-me que um instrumento electrónico, por muito giro que seja, censure o que posso ou não posso ouvir.

5 comentários:

Fernando Vasconcelos disse...

Um IPod com manias de prima-dona ou um Ipod com bom gosto, proponho a votação :-)

Moura Aveirense disse...

Espectáculo de iPOD, ora aí está um equipamento de elevada categoria! ;) Quem dera que as "labels" também tivessem esse bom gosto e não fossem em "cantigas de marketing". Villazon & Handel, brrrrrrrrrrrr!

;) hehehe

Mário disse...

Será que se pode programar um iPod para ser selectivo? p.ex. rejeitar discos do Diego Florez ? quero um desses...

Gi disse...

LOL, estará na hora de o Fernando propôr uma votação no Diz que não gosta de música clássica? sobre os tenores do nosso tempo?

Paulo disse...

ROFLMAO